Conselho de Mãe é Sempre Bom!

Se você pratica corrida e acabou de engravidar, saiba que não precisará abandonar o esporte, desde que sua gestação não seja de risco. Exercícios, mesmo a corrida, são altamente recomendado para grávidas. O importante é contar o tempo todo com o acompanhamento médico e diminuir o ritmo do exercício, tomando cuidado com possíveis quedas e lesões. Seria interessante também complementar a atividade com exercícios que fortaleçam o assoalho pélvico, que durante a gestação é muito exigido.
 
 
Uma notícia sensacional para quem ama chocolate. Pesquisadores da Universidade de Cambridge estão desenvolvendo um chocolate de efeito milagroso, que vai prevenir rugas e pele flácida. Isso porque aumentará os níveis de antioxidantes e circulação sanguínea, o que evitará o surgimento das linhas de expressão. O produto, com poucas calorias e batizado com o sugestivo nome de “Esthechoc” já foi testado com sucesso e deverá começar a ser vendido a partir do mês que vem no Reino Unido. Vamos torcer para chegar logo no Brasil e em outros lugares do mundo.
 




A atriz Carolinie Figueiredo, que está grávida do segundo filho, está promovendo um evento on-line, "Maternagem Consciente" para mamães trocarem experiências. Inscreva-se através do instagram da atriz no link abaixo:
 
http://instagram.com/p/zSlNkTSK0U/

É gratuito!



Já reparou a quantidade de crianças com menos de três anos que está com um aparelho eletrônico na mão? E a facilidade com que manejam esses dispositivos? Muitos pais estimulam esse novo hábito achando que estão desenvolvendo habilidades nos filhos ou até como forma de deixá-los quietinhos. Só que uma pesquisa realizada pela Escola de Medicina da Universidade de Boston, nos EUA, alertou que o uso excessivo desses aparelhos por crianças tão pequenas pode afetar o desenvolvimento emocional, o comportamento e até a capacidade de aprendizado das crianças. Que tal trocar a babá tecnológica por brincadeiras nas praças, praias e parques? E de preferência junto de outras crianças? Por falar nisso... há quanto tempo você não brinca com seu filho?

 
 Anda com a pressão lá em cima devido aos embates da vida? Que tal apelar para um regularizador natural da pressão arterial? A lichia, que por sinal tem formato justamente de coração, ajuda na prevenção de doenças cardíacas e câncer. Essa frutinha originária da China no idioma deste país significa “aquela que dá os prazeres da vida”. Rica em vitamina C, que fortalece o sistema imunológico. Quando esse sistema fica baix, principalmente em função das dores emocionais, é uma porta aberta para doenças. Lichia também possui vitaminas do complexo B que são essenciais para manter o sistema nervoso saudável. Sem contar que tem poucas calorias, uma média de 65 em 100 gramas. Tudo que a gente precisa para aguentar o tranco, não é mesmo? Uma dica é lavar bem a casca da fruta antes de cortá-la, para evitar que impurezas contaminem sua polpa.  

 Muitas das mães de nosso grupo adoeceram após o desaparecimento dos filhos. Depressão, anorexia, obesidade mórbida, câncer e demais doenças resultaram no trauma da perda. Com as crianças não é diferente. Tanto que uma pesquisa americana comprovou que os traumas gerados por tragédias vividas na infância têm relação com o envelhecimento celular, ajudando a acelerá-lo na vida adulta. A pesquisa comprova o que na pele já sabíamos. Por isso, busque sempre atendimento psicossocial para enfrentar grandes perdas e tragédias. Esse apoio profissional é de grande ajuda e pode significar uma vida mais saudável para o futuro de nossos filhos.  



As aulas estão para recomeçar e com elas um problema recorrente no universo escolar de crianças e adolescentes: o peso excessivo que carregam na mochila. Ele  tem provocado desde dores nas costas até doenças mais graves, como lordose e escoliose.
Só que é possível garantir a saúde da coluna com algumas dicas. O peso de livros e cadernos não deve ultrapassar 10% do peso corporal da criança. Escolha modelos mais leves e com alças mais largas. O cinto de segurança, que une as alças da mochila na barriga, deve estar sempre afivelado e o peso maior distribuído nessa região. Certifique-se diariamente que seu filho carregue apenas o necessário na mochila. Ela jamais deve ser carregada em apenas um dos ombros, pois esse hábito, comum entre os pequenos, sobrecarrega a região.  O modelo com rodinhas, mais indicado, também inspira cuidados. A altura do puxador deve bater no quadril da criança.

 

Uma nova pesquisa, que acaba de ser realizada pela Universidade de Harvard, nos EUA, incentiva que todos, crianças e adultos, consumam diariamente uma pequena tigela de mingau de aveia. Segundo os pesquisadores, a aveia, assim como o arroz integral, o milho e a quinoa, ajudam a prolongar a vida. É que os cereais integrais reduzem o risco de morte por doença cardíaca. As conclusões foram baseadas no acompanhamento de 100 mil pessoas ao longo de 14 anos. O consumo de aveia e demais cereais integrais reduziu o risco de morte dos participantes em 5% e o de morte por doença cardíaca em 9%. Uma boa razão para botarmos mais aveia na tigela e dividirmos o mingau com nossos bebês.
 


Uma das muitas questões que costumam tirar o sono das mamães de primeira viagem é a escola do pediatra do bebê que vai nascer. Será nas mãos desse profissional que estará um dos aspectos mais importantes da vida do filho: a saúde!
Nessa hora é sempre válido contar com um conselho amigo. Futuras mamães podem recorrer à indicação das vovós do bebê, parentes ou amigas. Se precisar contar com a sorte dê uma mãozinha ao destino. Antes do bebê nascer agende visitas a alguns pediatras. Isso lhe dará segurança na hora de optar.  
 
 
Mamães devem estar de olho nos diagnósticos de viroses infantis dados pelos médicos. Ouvimos de um conceituado ortopedista que “virose é toda a doença que o médico não consegue explicar”. O câncer infantojuvenil é a doença que mais mata crianças e jovens no mundo. Um quadro que pode ser revertido quanto antes for feito o diagnóstico. Os sintomas iniciais podem ser confundidos com os de uma virose. Portanto, sempre leve em conta as queixas de seus filhos. Na dúvida, recorra a velha máxima que “criança não mente jamais!” Fique atenta aos sintomas através do cartaz da campanha #novembrodourado contra o câncer infantil da Casa Ronald Mc Donald.

Um comentário:

Unknown disse...

Ola ! Gostaria de ajudar nos eventos e ações que sua instituição organiza como voluntário, pois, moro na cidade do Rio de Janeiro. Grato !
Haroldo Rego
haroldorego@gmail.com